Descubra como rentabilizar o seu negócio de aluguer de equipamentos

O aluguer de equipamentos é uma área que traz importantes benefícios a empresas e particulares, e que permite aos clientes poupar tempo e dinheiro em equipamento ou bens, canalizando esses recursos para outros investimentos.

Além de não terem de investir capital na compra do equipamento, e de pouparem em custos de manutenção e armazenagem, os clientes podem ainda beneficiar do conhecimento técnico destas empresas, capazes de oferecer soluções mais eficientes, seguras e até, acompanhadas de formação especializada.

A gestão do parque de equipamentos e bens tem caraterísticas muito particulares e a rentabilidade deste negócio, qualquer que seja a sua área – desde o aluguer de máquinas industriais, até ao aluguer de equipamento para eventos -, depende em grande medida do controlo de vários fatores.

Saiba como pode rentabilizar o seu negócio de aluguer de equipamentos e bens através destas estratégias.

Cuide do seu equipamento

Este negócio depende diretamente da qualidade do equipamento. Se ele estiver danificado, apresentar sinais de falta de cuidado ou problemas que comprometam o seu desempenho, dificilmente poderá ser alugado.

E se o equipamento parado na sua loja ou armazém, já tem um impacto negativo na rentabilidade do seu negócio, ter equipamento em mau estado pode ter consequências ainda mais preocupantes: no caso de um artigo em más condições já ter sido alugado e o cliente verificar que este não cumpriu a sua promessa, pode com toda a legitimidade, pedir o reembolso do valor do aluguer. Pior ainda, se o equipamento causar algum acidente, o cliente pode mesmo mover uma ação judicial contra a sua empresa no caso de ficar provado que o item se encontrava defeituoso quando fui alugado.

Por tudo isto, é fundamental cuidar do seu equipamento. Além de se certificar que todo o material fornecido ao cliente corresponde à imagem apresentada no site ou catálogo e de que está a funcionar devidamente, garanta os seguintes aspetos:

  • Tenha um plano de manutenção que lhe permita manter os seus equipamentos em bom estado, atuar preventivamente e detetar quaisquer problemas antes que os bens cheguem aos clientes
  • Atue rapidamente: com o uso regular, os materiais desgastam-se e em pouco tempo, um pequeno dano pode tornar-se num grande problema. Ao menor sinal de desgaste ou falha em algum componente, repare o equipamento impedindo que ele continue a deteriorar-se. Quando mais cedo intervir, menor será o dano e por consequência, o gasto na reparação do equipamento.

Torne claras as condições do aluguer para os clientes

Se os equipamentos são o bem mais precioso do seu negócio, garanta que também os seus clientes os deixam nas melhores condições. Para isso, certifique-se de que informa os clientes relativamente às condições do aluguer e de que eles conhecem as consequências do não cumprimento dessas condições.

Tenha estes requisitos escritos, num lugar bem visível na sua loja ou site, e comunique-os de forma clara para que não existam equívocos.

Com isto, evita a desresponsabilização do cliente no caso de este entregar o equipamento em mau estado ou depois da data estabelecida, e evita despesas desnecessárias.

Defina claramente:

  • Qual a data de início e fim do aluguer
  • Para que finalidade se destina o equipamento
  • O valor da caução e as condições a ela associadas
  • Qual o procedimento a seguir no caso de ocorrer algum dano no equipamento
  • Quais as penalizações no caso de utilização indevida, roubo, atraso na entrega ou dano provocado pelo cliente

Seja criterioso com o seu stock

As empresas que operam nesta área precisam de saber com o máximo de rigor a rentabilidade de cada um dos seus equipamentos. Analise os valores do seu negócio, saiba quais os equipamentos mais rentáveis, e com esses dados tome decisões fundamentadas na hora de pensar em adquirir mais equipamento.

De nada lhe serve investir em itens que ficam parados no armazém por falta de procura ou cujo retorno em termos de valor é tão baixo que não lhe compensa os custos de manutenção ou o espaço que ocupam.

  • Comece o seu negócio com um stock reduzido e focado na rentabilidade
  • Aposte num crescimento sustentado e que tenha em conta a procura e a rentabilidade de cada equipamento

Ponha os seus clientes em primeiro lugar

O aluguer de equipamento é um negócio que assenta em grande medida em clientes fiéis, que recorrem com uma determinada frequência a este serviço. Por isso, garanta que os seus clientes voltam e o preferem a si e não a um concorrente.

Mais do que oferecer um conjunto de equipamentos de que os clientes precisam para um projeto específico, ofereça-lhes uma experiência de qualidade. Quer se trate de máquinas agrícolas, equipamentos de construção ou de escritório, ou outro tipo de artigo, aconselhe, guie, dê sugestões, participe no processo e aproveite a oportunidade para ouvir as necessidades relativamente à sua área de negócio. Os clientes procuram-no porque é um especialista num tipo de equipamento que não faz sentido adquirir, mas sim, alugar apenas por um período de tempo específico – por isso, partilhe toda a sua experiência relativamente ao equipamento que aluga e traga valor para o seu cliente.

  • Perceba qual a utilização que o cliente pretende fazer do equipamento e seja ativo no aconselhamento de um item que considere mais adequado aos seus objetivos
  • Esteja atento ao mercado e certifique-se de que tem em stock os itens mais procurados, atuais ou que são diferenciadores em relação à concorrência
  • Seja muito mais do que um armazém: aposte na diferenciação através de um contacto personalizado com os clientes

Aposte em parcerias

Estabelecer parceiras pode ser uma excelente forma de trazer clientes novos para o seu negócio e de consolidar a sua reputação como especialista na sua área.

Comece por perceber que outros produtos ou serviços procuram os seus clientes. Por exemplo, se aluga vestidos de noiva, os seus clientes podem também estar à procura de acessórios, fatos de noivo, floristas, bolos de noiva, ou espaços para casamentos. Se o seu negócio é o de aluguer de equipamentos de escritório, poder ter clientes que procuram um fornecedor de dispensadores de água para escritórios.

Contacte estas empresas e sugira uma pareceria em que ambas se referenciam mutuamente aos respetivos clientes.

Tenha em atenção:

  • Não force os seus clientes a procurar uma empresa com que tenha estabelecido uma parceria. O mais importante é responder às necessidades dos seus clientes com uma sugestão acertada. Seja atencioso, pró-ativo, mas não torne a situação desconfortável, forçando demasiado
  • Estabeleça parcerias apenas com empresas da sua máxima confiança, caso contrário, é a sua reputação e credibilidade que podem sair abaladas.

Rentabilize os seus equipamentos com as ferramentas certas

Um dos aspetos mais importantes deste tipo de negócio é a capacidade de rentabilizar ao máximo os seus equipamentos. Contudo, as tarefas fundamentais para assegurar esta maximização – como a análise da disponibilidade das agendas, a gestão do histórico dos alugueres ou o acesso a informação completa sobre cada equipamento -, podem consumir muitos recursos e carecer do rigor e eficiência necessários.

Neste aspeto, um software especialmente desenvolvido para as empresas de aluguer de equipamentos desempenha um papel central para que consiga maximizar a utilização dos mesmos, garantindo que não tem equipamentos parados por falta de organização.

Além disso, um software desenvolvido para lhe dar a máxima rentabilidade, permite uma gestão completa dos equipamentos: integra o rastreio, a gestão das disponibilidades, a reserva e a faturação, numa mesma solução, para que possa controlar todo o processo de aluguer num só lugar e com todo o rigor.